‘Faça Bonito’: Guararema adere à campanha contra abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

Por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação, Prefeitura de Guararema promove mobilizações nos equipamentos do Serviço de Convivência Fortalecimento de Vínculos (SCFV) e também faz divulgação da campanha em escolas municipais

Dia 18 de maio é o Dia Nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes. Por isso, em Guararema, todo o mês é de conscientização sobre o tema, já que a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, adere à campanha ‘Faça Bonito’, que promove mobilização em todo o país.

Realizada pelo Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, o projeto consiste em ações de conscientização como passeatas, debates e outras atividades que estimulam a participação das crianças e adolescentes em contato direto com a comunidade escolar e a sociedade como um todo, com o objetivo de prevenir e combater este tipo de violência.

Em Guararema, as atividades coordenadas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação envolvem mobilização com grupos de adolescentes atendidos pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS); mobilização na entrada e saída das escolas municipais para entrega de material da campanha no dia 17; e mobilização sobre a campanha nos grupos de família no CRAS e no CREAS entre os dias 16 e 29.

O foco da campanha ‘Faça Bonito’ está no diálogo com respeito por meio de empatia, solução de conflitos e relações igualitárias, além de divulgação dos sinais de violência, abuso e exploração sexual.

Este movimento em defesa dos direitos de crianças e adolescentes conta com aprovação da Lei Federal 9.970/2000 que instituiu o 18 de maio como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Criança e Adolescente. O objetivo é mobilizar a sociedade brasileira, convocando a todos para o engajamento pelos direitos de crianças e adolescentes e na luta pelo fim da violência sexual.

Outras informações sobre o projeto, que traz como símbolo a Flor Amarela, na representação da beleza da infância, a vulnerabilidade infanto-juvenil e o combate à exploração sexual, estão disponíveis em façabonito.org.